Páginas

terça-feira, 18 de junho de 2013

Você- me amava
Eu- nem pensava

Em nao querer jamais te amar
Eu- te amei

Quando tudo
Você- conseguiu

Ai foi que
Você -nem se importou

Você- Conseguiu

E agora?

Eu- já tenho que te esquecer

POIS...

Você- nem se importou

Pessoas especiais

A tristeza bate e não tem como segurar o choro.
A lembrança de um carinho gostoso
De um beijo Irresistivel


A lembrança de uma amiga que sempre esteve ao  meu lado mesmo com tapas e pontapés
De um amigo infantil pedindo colo, e eu cheia de conselhos
De um primo consolador e de outro "filosofo" que me davam aqueles abraços.
Até mesmo de de estupidezes de pessoas queridas
Tudo vem atona e as lagrimas percorrem meu  rosto.



segunda-feira, 17 de junho de 2013

E quando no começo tudo é lindo.
E quando passa vira raiva
E quando se afasta a saudade vem
E o beijo silencioso vira lembrança
E os carinhos são refletidos a outra mão que a toca
E sem saber o porque você acaba pensativa
Em esquecer o que se permanece!



Gostaria...

Na verdade eu gostaria que você eterno como o céu e cheio de brilho como as estrelas.
Eu preferia deixar passar tudo e esquecer as feridas.
Mas por ai ouvi falar que a desconfiança está desunindo casais


Mas não quero te perder só por achar que não vale apena, pelo simples motivo de que:

Você já conhece tudo em mim, já viu cada detalhe , já me conhece no interior e não gostaria que outro veja o que só você viu, não gostaria que outro senti-se o que só você sentiu por mim (e isso eu sei que era ou é verdadeiro)
Não quero dizer eu te amo a outro, pois pra mim 1 único eu te amo verdadeiro só foi dito a você e continuará sendo dito, nem que seja em pensamentos, mais a você.
Quero de volta seus abraços, vem me chamar pra sair, me pega no colo e diz que me ama, sussurra meu nome bem de mansinho, essa "bruxinha" é toda sua